Sábado, 30 de Maio de 2009

Meu amor,

Hoje queria estar com ele e entregar-lhe esta carta que lhe fiz, mas ele hoje não podia estar comigo, porque ía sair, então ganhei coragem e disse-lhe tudo isto por telefone:

 

 

Meu amor,
Admito que fiquei muito tempo a olhar para este papel sem saber o que dizer, pois como tu sabes, o amor é difícil de explicar. Há uns tempos li num livro que andava a ler, que não devemos dizer a uma pessoa que a amamos, pois para amar é preciso conhecer o outro a 100%, eu sei que posso não te conhecer muito bem, pois só te conheço há menos de um ano, mas uma coisa eu tenho a certeza, eu quero conhecer-te mesmo, de uma maneira profunda, como nunca conheci ninguém, porque realmente te amo e te quero amar, por isso te peço para não me deixares agora, eu preciso de ti, tal como nunca precisei de ninguém. És especial, és importante, és único para mim. Eu tinha muralhas à volta do meu coração, mas tu conseguiste deitá-las abaixo, e a cada dia que passa elas vão caindo lentamente, ou mais depressa; muito poucas ainda continuam erguidas, mas tenho a certeza que as vais deitar a abaixo, e eu não quero voltar a ergue-las. Eu já não acreditava no amor, mas tu fizeste-me voltar a acreditar. Eu por ti era capaz de fazer tudo aquilo que penso impossível, pois o amor mostra-nos que não existem barreiras.
Sei que nem tudo é um mar de rosas, sei que eu penso muito no que os outros vão pensar e dizer, mas a partir de hoje vou pensar “que se lixe”. Quero poder acreditar que continuaremos juntos até daqui a alguns anos, posso acreditar nisso?
Sou humana, e tal como todos os outros; eu erro, magoo e arrependo-me, é certo que também tento mudar, não, eu vou mudar, vou fazer um enorme esforço para mudar, acredita em mim. Por ti eu sou capaz de tudo. Também amo, sofro e choro. Também já me magoaste, e tu sabes isso, mas o meu amor por ti é tão grande, que eu perdoei-te. E tu será que me consegues perdoar?
Choro, sim eu choro, quando estou sozinha, apenas assim. E como deves imaginar estou agora a chorar, lágrimas escorrem-me pela face. Os meus pensamentos voam como aviões no céu a altas velocidades, é impossível concentrar-me em algo a não ser em ti. És o sorriso nos meus lábios, as lágrimas doces e frias que me escorrem, és a razão da minha cara parva, és tudo para mim. TUDO.
 Às vezes, penso, que se tudo fosse como nos romances que eu leio, que tudo seria mais fácil, também sei, que esses romances tentam transmitir a realidade. Mas é impossível, o amor é algo tão difícil de perceber e transcrever no papel, nenhum autor o conseguirá transmitir bem nas suas palavras. O amor é algo que só quem ama percebe, mas é sempre diferente, podemos amar 2,3,4, 10 vezes, mas de todas essas vezes vai ser diferente. Não quero ter de te apagar da minha cabeça, não quero ter que encostar o meu amor por ti a um canto. Quero descobrir o mundo contigo a meu lado, quero viver contigo, no teu mundo, quero ter-te sempre comigo. E tu?
Perdoa-me por tudo o que eu já fiz, e que não devia ter feito. Mas acredita que eu ontem apercebi-me de como também eu, por vezes, também te magoo, e começo a aprender com esses erros.
Eu vou mudar, apenas preciso da tua ajuda para isso. Não me deixes neste mundo escuro, sozinha, com pessoas que não me querem bem. Preciso de ti, aqui a meu lado.
 
Só te peço uma coisa, não ligues tanto ao que as outras pessoas pensam, sim meu bem? Tenta ser apenas tu, sem segredos, medos ou rodeios.
 
Quero voar contigo, mas só pode voar quem arriscar cair. Estás disposto a cair a meu lado?
AMO-TE
Abraça-me, beija-me, Ama-me e faz-me sentir bem. É tudo o que te peço. Não me magoes mais e eu não te magoarei também.

nós ontem chateamo-nos e assim,

publicado por anna. às 13:55
link do post | comentar | favorito
|
19 comentários:
De catarinafurtad0 a 30 de Maio de 2009 às 18:09
Olá tu inscreveste-te na iniciatíva do meu blog de encomendas. Bem a tua encomenda tá pronta.


Espero que gostes.


Xau
De Marta a 30 de Maio de 2009 às 20:23
Olá :)

Obrigada! Hmmm .. estava a pesquisar sobre o racismo, encontrei-a 'acidentalmente', gostei e copiei :).. Não faço a minima ideia de quem seja!

Sim, por vezes é mesmo complicado agirmos :S

Adorei o teu blog, a sério!

Beijinhoo
De Dreamer a 30 de Maio de 2009 às 20:27
Agora falta dizeres qual foi a reacção dele :)
Música do blog muito gira, já a conhecia mas não era tão calminha :)
De débora, a 30 de Maio de 2009 às 23:06
se fiquei.
que lindo ana! :D
De Caaaathyyy. a 30 de Maio de 2009 às 23:55
wow, que carta linda *-* o rapaz tem uma sorte...
De v. a 31 de Maio de 2009 às 11:50
Fantástico. Linda a carta, consegues passar para o papel aquilo que por vezes é impossivel, e que só no nosso coração parece poder ficar.

Beijinho
De Fii a 31 de Maio de 2009 às 16:28
Sim, está tudo bem minha querida.
Depois explico-te o que se passou. ;D

Beijinhos.
De Caaaathyyy. a 31 de Maio de 2009 às 18:54
eu tbm tive satisfaz bastante, foi uma sorte enooorme --'
De Caaaathyyy. a 31 de Maio de 2009 às 21:09
tenho três testes na escola e prova de violino --' acho que é mesmo esta semana que vou ter um esgotamento --'

e tu ?

beijinhos *
De Pamela a 1 de Junho de 2009 às 04:23
Olha, eu nao te conheço... mas qro dizer-lhe q a carta é mto linda e falando mais sério ainda é qase incrível escrever o que a gente sente em uma simples folha de papel... esá mto bom mesmo! P A R A B E N S pelas palvras.

Abraços!
De anna. a 1 de Junho de 2009 às 17:15
Obrigada (:
Espero ver-te por aqui mais vezes,

beijinhos,

Comentar post